31 idosos foram transferidos de lar em Famalicão para Hospital Militar no Porto

31 idos foram transferidos de um lar em Famalicão para o Hospital Militar do Porto. A decisão surge depois de terem sido diagnosticados com o novo coronavírus oito funcionários da instituição, que tiveram de ir para casa, deixando apenas três pessoas a cuidar dos utentes.

Os idosos, com idades compreendidas entre os 82 e os 94 anos, vão ficar em isolamento profilático depois de terem realizados vários exames médicos.

Desde sexta-feira que esta instituição está sem funcionários a trabalhar. A Diretora Técnica do lar privado pediu ajuda para estes idosos. A ministra da Saúde avançou que os idosos e as três funcionárias foram esta tarde testados à Covid-19, mas alertou: “Tinham de ter pensado num plano de contingência”.

Related posts

Leave a Comment