Circulação na marginal da Póvoa de Varzim controlada ao fim de semana pela autarquia

A Câmara da Póvoa de Varzim, no distrito do Porto, vai aplicar aos fins de semana medidas restritivas de acesso ao concelho e de circulação na zona marginal, de forma a evitar a propagação da pandemia da covid-19.

A garantia foi dada hoje à agência Lusa pelo autarca local, Aires Pereira, que não quer que se repita o cenário de domingo, onde centenas de pessoas estiveram a passear na marginal da cidade, desrespeitando os pressupostos decretados pelo estado de emergência.

“Todos nós queremos sair à rua e passear junto ao mar, mas isso não é possível neste momento. As medidas que tomamos serão repetidas já no próximo fim de semana, e sempre que necessário, para limitarmos a vinda de pessoas de fora do concelho e restringir a circulação na marginal, que a partir de sexta-feira já estará fechada”, disse o presidente da Câmara da Póvoa de Varzim.

Segundo a agência Lusa comprovou no local, esta manhã as artérias na zona marginal da Póvoa estavam praticamente vazias, com Aires Pereira a considerar que o sucedido, que teve expressão nacional, fez “corar de vergonha” quem desrespeitou o estado de emergência.

“Para apoiar os profissionais de saúde não basta ir à janela bater palmas, temos mesmo de ficar em casa para evitar mais casos de contágio. Se as pessoas não são capazes de perceber isso ao fim de semana, e só percebem à semana para não ir trabalhar, nós, responsáveis, temos de criar condições para que a lei seja cumprida”, vincou o presidente da autarquia.

Para aplicar estas medidas restritivas de acesso à cidade e de circulação na zona marginal, será, de novo, acionado o apoio da PSP e mobilizados os agentes da Polícia Municipal e Proteção Civil da Póvoa de Varzim.

Foto: DR

Related posts

Leave a Comment